Livraria dá lugar à língua de Camões na capital francesa